Publicado em Uncategorized

Pesquisa – Projeto Atitude Abril

Bom tarde!

Hoje o post será dedicado aos resultados de um levantamento conduzido pelo Departamento de Pesquisa e Inteligência de Mercado da Editora Abril, que edita revistas conhecidas como Veja, Claudia, Contigo, Capricho, entre outras.

Chamado de Projeto Atitude Abril, a pesquisa buscou avaliar os conhecimentos dos brasileiros sobre a AIDS e o que eles fazem de fato para se proteger da doença. O estudo envolveu mais de 15 mil pessoas, que participaram através de entrevistas e questionários disponibilizados na internet, entre os dias 29 de maio e 31 de julho de 2014. Este trabalho está sendo considerado um dos mais abrangentes sobre a AIDS no país.

Os participantes são homens e mulheres maiores de 16 anos, pertencentes às classes A, B e C, de todas as regiões do Brasil. Do total de pesquisados, 53% tem vida sexual ativa com parceiro(a) ativo(a), 27% tem vida sexual sem parceiro(a) ativo(a) e 20% se declararam virgens.

pesquisa abril

Segundo o mesmo estudo, há mais de 720 mil pessoas soropositivas no Brasil – e uma em cada cinco pessoas não sabem disso, colocando não só a própria vida em risco como a de seus parceiros também. A pesquisa identificou dois grupos nos quais houve um significativo aumento na taxa de infectados: jovens do sexo masculino entre 16 e 24 anos – de uma geração que está se descobrindo sexualmente e não viu a explosão da AIDS nas décadas de 1970 e 1980 – e adultos, principalmente do sexo feminino, com mais de 50 anos, que não se identificam como alvo da doença e deixam de se proteger.

pesquisa aids veja

Em entrevista para a revista Veja, o infectologista Artur Timerman, uma das maiores autoridade brasileiras em AIDS, afirma que ter informação sobre determinada doença é diferente de ter consciência sobre ela. As pessoas sabem que é importante usar camisinha, mas elas ainda não colocam em pratica essa informação.

Querem saber mais? Acessem:

http://www.atitudeabril.com.br

http://www.aids.gov.br