Publicado em Uncategorized

Corrimento. O que é isso?

Olá! Vocês já ouviram falar em corrimento?

casal em duvida

Essa queixa muito comum, apresentada por uma grande parcela das mulheres, é caracterizada por uma alteração da secreção produzida pelo canal vaginal, que se torna mais viscosa (pegajosa) e volumosa, com cheirinho desagradável, podendo vir acompanhada também de coceira, desconforto na hora de fazer xixi, dor e incômodo no momento da relação sexual.

É importante lembrar que toda mulher possui uma umidade vaginal diária, que é natural e normal. Além disso, a vulva (órgão externo feminino) possui glândulas sudoríparas como qualquer outra parte do corpo, que tendem a transpirar, mantendo a região genital bastante umidecida. Essa secreção diária costuma ser transparente e não tem cheiro nenhum.

O corrimento é um dos motivos mais frequentes para a visita ao ginecologista e geralmente indica algum tipo de infecção vaginal, podendo ser facilmente tratada, após a orientação médica.

Uma dica é tentar manter a região da vagina o menos abafada possível, pois a área quente e úmida pode favorecer a proliferação de bactérias e fungos, presentes no próprio organismo. Algumas médicas recomendam que as meninas escolham calcinhas de algodão, que permitem uma melhor ventilação e absorvem mais as secreções.

Além de indicar algum tipo de infecção, o corrimento pode ser também um sintoma de doença sexualmente transmissível, principalmente quando apresentado pelo homem. Por isso, um exame clínico é essencial!

Ao perceber esse corrimento (diferente da secreção diária produzida pela mulher) a mulher ou homem deve procurar um médico para tirar todas as dúvidas e jamais devem tomar medicamentos por conta própria. O profissional especializado (ginecologista ou urolgista) irá indicar o tratamento necessário.

Fiquem atentos aos sinais que o corpo esta mandando! Saúde é coisa séria!